Ação Metrológica em sacos para lixo

No mês de julho de 2019 o Inmetro/Superintendência de Goiás, realizou uma uma Ação Metrológica objetivando verificar quantidade e dimensões de sacos para lixo e distribuídos na cidade de Goiânia- GO . Foram verificados 40 produtos, dentre elas 21 foram reprovadas em exames quantitativos e / ou formais, um índice de 53%. A Portaria n°157/2002 que aprova o RTM que estabelece a forma de expressar o conteúdo dos produtos pré-medidos, especifica que a indicação quantitativa deve constar no rótulo ou na embalagem do produto pré-medido, na vista principal e em cor constante a que lhe servir de fundo. A indicação quantitativa deve ser feita de tal forma a transmitir ao consumidor uma fácil, fiel e satisfatória informação da quantidade do produto comercializado. Técnicos atuam nos laboratórios realizando pesagens e  medições para comprovação efetiva da indicação quantitativa constante nas amostras coletadas do produto. No ato, é lavrado um relatório de ensaio e,  caso necessário, Auto de Infração quando o resultado apontar falta prejudicial ao consumidor, fora da tolerância legal. Os produtos cujos valores nominais estejam fora da padronização legal estabelecida, estarão sujeitos a interdição/apreensão.